Capital promove I Seminário SAS - Boas Práticas na Assistência Social

05/12/2018 06h57

A Prefeitura Municipal de Campo Grande promove nesta semana, nos dias 5 a 7 de dezembro, o "1º Seminário SAS – Boas Práticas na Assistência Social" que está inserido no Programa de Trabalho "SOU MAIS SAS" e tem como objetivo a exposição e discussão, por meio dos relatos de experiências dos trabalhadores, as práticas exitosas na execução dos serviços, programas, projetos e benefícios das unidades descentralizadas/e setores da Secretaria Municipal de Assistência Social

A programação do Seminário conta com três manhãs consecutivas de apresentações dos trabalhos e debates, que proporcionará a troca de experiências nos processos de trabalho, demonstrando os avanços e desafios da Secretaria de Assistência Social de Campo Grande.

O Seminário "SAS – Boas Práticas na Assistência Social" tem foco na valorização de seus trabalhadores com diferencial na qualidade do atendimento aos usuários, demonstrando iniciativas de uma gestão humanizada e comprometida com o que preconiza as normativas que norteiam a Política de Assistência Social.

O compartilhamento de práticas tem como objetivo enfatizar a importância da construção coletiva das ações desenvolvidas, a proposição de ferramentas e processos de trabalho no âmbito das políticas públicas, bem como demonstrar indicativos de ferramentas efetivas e caminhos a seguir para a qualificação do trabalho, com vistas ao aprimoramento do atendimento ofertado ao público usuário do Sistema Único de Assistência Social – SUAS.

O debate crítico acerca do trabalho e das políticas sociais tem uma importância central para o aprimoramento profissional dos técnicos da assistência social, tanto no âmbito técnico-metodológico e técnico-operativo, além de servir também como uma ferramenta motivadora no exercício das funções profissionais.

O evento, ainda terá como um de seus destaques a divulgação do Lançamento do Caderno de Orientações: "Contribuições para a Construção de Percursos Socioeducativos no Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos, desta superintendência.

LANÇAMENTO DO CADERNO

A Superintendência de Proteção Social Básica, por meio da Gerência da Rede da Proteção Social Básica, elaborou o CADERNO 1 DE CONTRIBUIÇÕES PARA A CONSTRUÇÃO DE PERCURSOS SOCIOEDUCATIVOS NO SERVIÇO DE CONVIVÊNCIA E FORTALECIMENTO DE VÍNCULOS, com intuito de contribuir com os técnicos de nível superior e, principalmente, os de nível médio, os educadores sociais dos CRAS, CC e CCI, na execução do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos.

O material é um apoio ao trabalho dos educadores sociais da Proteção Social Básica, na execução dos percursos socioeducativos. Contém teorias e práticas que podem auxiliar no trabalho desses profissionais e dicas de como conduzir atividades e discussões em grupo.

Ao subsidiar esses profissionais, colaboramos com a complementação do trabalho social com famílias e com a prevenção de ocorrência de situações de vulnerabilidade social, através da execução de atividades nos grupos, que favorecem trocas culturais e fortalecem os vínculos familiares e comunitários dos usuários.

Adequamos o Caderno à oferta dos serviços e à sua descrição, contida na Tipificação Nacional de Serviços Socioassistenciais, com a finalidade de estimular o grupo a alcançar habilidades, comportamentos e atitudes para a convivência, participação social e cidadania. Visa garantir as seguranças do serviço, assim como seus eixos estruturantes, a fim de provocar reflexões que agreguem qualidade às práticas já executadas nas unidades.

É uma ferramenta de PREVENÇÃO e INTERVENÇÃO, um momento para o grupo ponderar e compartilhar pensamentos e sentimentos sobre as aquisições do percurso socioeducativo, e mais, criar estratégias para superação. Para tal, em cada atividade, deixamos três passos para finalizá-la:

O Perceber: dialogar sobre a atividade, se os usuários gostaram e os sentimentos que vivenciaram.

O Refletir: avaliar comportamentos (durante a atividade e em outras ocasiões) e concepções.

E o Agir: propor ações que possam incorporar essas aquisições em suas vidas.

A produção deste Caderno é uma adaptação de Equitas International Centre for Human Rights Education [PLAY IT FAIR, SPEAKING RIGHTS]. Para as atividades, trouxemos as experiências das técnicas da Gerência da Rede da Proteção Social Básica no Serviço de Convivência, e também as atividades do livro Aprendendo a Ser e Conviver e dos Cadernos do Ministério do Desenvolvimento Social.

A elaboração deste caderno tem por responsáveis:

Airine Marcelli Silva – Redação e Ilustração

Denise Lima da Silva – Redação e Revisão

Fernanda Arouca Thyrso de Lara – Redação e Tradução

Márgaris Duarte De Maria – Redação

Maricléia Siane Leite de Souza Rodrigues – Redação

Apoio – Sandra Cardoso de Sousa

Supervisão – Gizeli Motta do Prado

Supervisão Final – Inês Mongenot Santana

A entrega simbólica dos exemplares do CADERNO 1 de CONTRIBUIÇÕES PARA A CONSTRUÇÃO DE PERCURSOS SOCIOEDUCATIVOS NO SERVIÇO DE CONVIVÊNCIA E FORTALECIMENTO DE VÍNCULOS será dada:

Prefeito: MARCOS TRAD

Vice-Prefeita: ADRIANE LOPES

Representante a Secretaria de Estado de Direitos Humanos, Assistência Social e Trabalho (Sedhast): _________________________________ Representante do Conselho Municipal de Assistência Social – CMAS: o Presidente do CMAS Srº Mário Freitas

Representante Fórum das Entidades: A presidente Srª SUELI GOMES

Representando os Centros de Referência de Assistência Social – CRAS: Srª ALESSANDRA APARECIDA ALVES PENA – CRAS TIRADENTES

Representando os Centros de Convivência- CC: Srª GIOVANA ALLE HOLLENDER – CC NOROESTE

Representando os Centro de Convivência do Idoso – CCI: Srª ROSSANA CORRÊA DA SILVA – CCI JAQUES DA LUZ

CG Notícias

 

Envie seu Comentário